Blog

Acompanhe as postagens do Cuidar Idoso.

A música contra o esquecimento

A música contra o esquecimento


Existem várias maneiras de viver uma terceira idade saudável e com qualidade da vida. Uma delas, a preferida do aposentado Dirceu Lara Villela, é tocando suas músicas favoritas. O saxofonista de 78 anos, que já participou de diversas bandas desde a sua aposentaria, garante: a música ajuda a manter a memória em dia.

A participação em bandas começou em 2012, quando se uniu com outros idosos do Centro de Convivência de Jardim Camburi. "A banda de música clássica chegou a ter 25 integrantes, mas depois se separou. Hoje toco com grupos de amigos, sem ter uma banda específica. Tocamos em bares sem cobrar cachê apenas pela diversão", afirma o aposentado.

Para Dirceu um dos grandes benefícios da música é exercitar a memória. "Um dos maiores problemas do envelhecimento é a perda de memória, mas a música é uma das melhores soluções. Pois temos que guardar as notas e as letras, é um exercício prazeroso".

Estudos comprovam o que o saxofonista já percebeu na prática. Uma pesquisa conduzida pela Northwestern University comparou adultos de até 65 anos de idade com e sem experiência musical. A equipe constatou que os participantes que têm maior relação com a música foram muito melhores nos testes de memória e habilidade de ouvir falas em ambientes ruidosos.


O CUIDAR IDOSO não se responsabiliza, nem de forma individual, nem de forma solidária, pelas opiniões, ideias e conceitos emitidos nos textos, por serem de inteira responsabilidade de seu(s) autor(es).

Fonte: https://g1.globo.com/espirito-santo/especial-publicitario/Medsenior/seremos-todos-idosos/noticia/a-musica-contra-o-esquecimento.ghtml